Notícias

domsegterquaquisexsáb
   1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031 
       
78910111213
282930    
       
     12
31      
   1234
567891011
19202122232425
2627282930  
       
293031    
       
      1
23242526272829
       
   1234
567891011
       
22232425262728
293031    
       
     12
10111213141516
17181920212223
       
  12345
2728293031  
       
2930     
       
    123
45678910
       
78910111213
28293031   
       
      1
16171819202122
30      
   1234
567891011
       
14151617181920
282930    
       
     12
3456789
31      
     12
2425262728  
       
  12345
20212223242526
2728293031  
       
      1
23242526272829
3031     
    123
45678910
11121314151617
18192021222324
       
78910111213
28293031   
       
      1
2345678
30      
   1234
567891011
       
293031    
       
     12
       
  12345
2728293031  
       
2930     
       
    123
45678910
25262728293031
       
    123
45678910
11121314151617
25262728   
       
 123456
21222324252627
28293031   
       
     12
17181920212223
24252627282930
31      
   1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  
       
891011121314
293031    
       
     12
3456789
       
  12345
2728293031  
       
      1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031     
    123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930 
       
   1234
262728    
       
    123
       
       
       
282930    
       
     12
3456789
10111213141516
31      
13-05-2020

TJ/SP – EPM e OAB SP promovem ciclo de debates sobre Direito Imobiliário e pandemiaDebate inaugural discutiu questões sobre condomínio edilício. A Escola Paulista da Magistratura e a Ordem dos Advogados do Brasil – Seção São Paulo iniciaram ontem (11) o Ciclo de debates OAB SP – EPM – O Direito Imobiliário e os efeitos jurídicos da pandemia de Covid-19. Foram discutidos os reflexos da pandemia em questões condominiais, com exposições do juiz Enéas Costa Garcia, coordenador da área de Direito Civil da EPM, e do advogado Rubens Carmo Elias Filho, presidente da Comissão de Direito Imobiliário da OAB SP. A abertura dos trabalhos foi feita pelo diretor da EPM, desembargador Luís Francisco Aguilar Cortez, que agradeceu a parceria e o empenho de todos e enfatizou a finalidade do evento de buscar soluções que harmonizem as questões trazidas pela crise . Ele frisou a importância dos debates e dos esforços em conjunto e ressaltou que são inúmeras as demandas judiciais relacionadas ao tema. Enéas Garcia iniciou a exposição analisando o Projeto de Lei nº 1.179/2020, que prevê disposições sobre o Regime jurídico emergencial e transitório das relações jurídicas de Direito Privado no período da pandemia de Covid-19, em especial o capítulo IX, que trata dos condomínios edilícios. Explanou sobre as regras do Código Civil, os poderes do síndico, limites e obrigações no que se refere à observância das disposições envolvendo pandemia e a quarentena. Destacou o aumento de conflitos de vizinhança em decorrência da permanência das pessoas em casa e lembrou que o direito ao sossego não significa sossego absoluto, mas proteção contra o abuso. Discorreu ainda sobre questões relacionadas a salubridade (saúde), obras e mudanças, segurança e contribuição condominial, sempre ponderando a necessidade do bom senso para as partes envolvidas, ponderação de direitos e busca de soluções pela via consensual e que deve haver ponderação de direitos. Rubens Elias Filho salientou que tem havido reclamações de restrições de acesso impostas em condomínios. Enfatizou que, por questões de manutenção e melhora da saúde, as pessoas devem tomar sol e muitos não estão observando isso. E lembrou que o síndico tem o poder de estabelecer horários para uso das áreas comuns, como a academia e de impor restrições e procedimentos adequados. Ele também ressaltou a importância do acesso ao trabalho e da retomada da economia: “o equilíbrio tem que ser observado para permitir que as pessoas tenham acesso ao trabalho”. Entre outras questões, discutiu-se em que medida se pode interferir num contrato sem causar prejuízos sucessivos, frisando-se que deve ser priorizada a negociação entre as partes. Próximos debates – O ciclo prossegue até quarta-feira com participação gratuita e aberta a todos os interessados. A inscrição deverá ser feita para cada dia do ciclo, mediante o preenchimento dos formulários de inscrição disponíveis nas páginas dos eventos (abaixo). Os links de acesso às transmissões serão encaminhados ao e-mail do inscrito no dia do evento específico. Programa: 13/5 – Os impactos da pandemia nos contratos de locação residencial e comercial (acesse a página do evento) Palestrantes: Gilson Delgado Miranda – desembargador do TJSP e professor Jaques Butshatsky – coordenador da Coordenadoria de Locação, Shopping Center e Compartilhamento de Espaços da Comissão de Direito Imobiliário da OAB SP Fonte: Tribunal de Justiça de São Paulo

Debate inaugural discutiu questões sobre condomínio edilício.  A Escola Paulista da Magistratura e a Ordem dos Advogados do Brasil...